17 de dez de 2011

16º Fecate promove últimas apresentações

No sábado, dia 17, o 16º Festival Catarinense de Teatro levou a Mostra de Teatro Lambe-Lambe à Praça Ermembergo Pellizzetti, em Rio do Sul. Durante a manhã, um público de diferentes idades conferiu espetáculos de curta duração, apresentados em pequenas caixas, para uma pessoa por vez.

Às 11h, o Troupp Pas D’argent, grupo convidado que veio do Rio de Janeiro/RJ, apresentou “Cidade das Donzelas”. Ao som de tambor, pandeiro, violão e triângulo, os artistas entraram em cena para apresentar a peça em que Franzilino Sertanejo Peregrino conta a história de Carolino, que chega à cidade, no meio do Sertão, e se espanta ao ouvir falar que não existe homem ou mulher bonita naquele lugar e que as moças feias matam qualquer um que arrisca se aproximar. Mesmo sob um sol forte, o público se divertiu, cantou e acompanhou com palmas o ritmo do som e a performance da Troupp Pas D’argent.

Ainda na sexta-feira, dia 16, foi realizada mais uma etapa da Mostra Teatro na Escola com espetáculos em instituições de ensino da rede estadual e municipal de Rio do Sul, Lontras e Trombudo Central, de manhã e à tarde.

À noite, a Cia. Mútua, de Itajaí, apresentou “Flashes da Vida” na Fundação Cultural de Rio do Sul. Foram sete pequenas histórias que retrataram situações do cotidiano num espetáculo solo, sem texto, mas com mímica, auxílio de cenário e uma boa dose de humor.

Mais tarde, foi a vez de “Passport” com a Cia. Rústico Teatral, de Joinville. Alguma cidade, de algum país esquecido, onde o Oficial e o Soldado exercem suas funções foi o enredo da peça. Em cena, também o personagem Cidadão, que por não falar a mesma língua e ser mal interpretado pelos outros, acaba sendo preso e mal tratado.

O 16º Fecate continua com espetáculos e reunião da Federação Catarinense de Teatro hoje, dia 17, e domingo, 18, com debate. Confira abaixo a programação e as fotos do festival no link ALBUNS:

17/12 - Sábado
19h: “Lili Reinventa Quintana” – Téspis Cia de Teatro, de Itajaí/SC – Fundação Cultural de Rio do Sul
21h: “Werther: Tempestade e Ímpeto” – Essaé Cia de Teatro, de Joinville/SC - Fundação Cultural

18/12 – Domingo
10h: Debate “Lili Reinventa Quintana” e “Werther: Tempestade e Ímpeto” – Fundação Cultural de Rio do Sul

Nenhum comentário: